20 de setembro de 2014

Resenha: A Ilha De Kansnubra e o Portal Perdido - Andrews Ulisses


 Como vocês podem perceber pelas resenhas que eu faço, eu não sou muito de ler livros brasileiros, e não é porque eu não goste ou tenha preconceito e sim porque além dos livros internacionais terem mais destaque no mercado literário, os brasileiros são, em sua maioria, bem caros. Por exemplo, esses dias eu estava procurando o livro da Babi Dwet pra comprar e o preço mais barato que encontrei foi R$30, sem contar o frete.

 Mas então eu descobri através de um blog, que não me recordo agora qual era, o livro do Andrews e eu li a sinopse e fiquei muito interessada. Então eu resolvi entrar em contato com ele e acabamos firmando parceria.  E eu queria pedir desculpa pela demora que eu tive para fazer essa resenha, pois ele me mandou o livro a um bom tempo atrás, mas acabou acontecendo muitas coisas e só consegui terminar de lê-lo em Agosto.


 Bom, o livro vai contar a história do Garley, que é um garoto simples de 16 anos que sofre bullying na escola. Certo dia quando está caminhando em direção a à sua casa, se depara com um medalhão muito brilhoso e bonito, e ele pensa que aquilo poderia ser ouro e se o vende-se talvez a condição financeira de sua família mudasse, então resolve pegá-lo.

  De uma maneira bem peculiar envolvendo o medalhão ele é mandando para a magnífica Ilha de Kansnubra. Um lugar onde habitam seres fantásticos. E apesar de a Ilha ser incrível, Garley quer voltar para casa e para isso terá que encontrar um portal que está a muito tempo perdido.

 Com a ajuda de amigos que ele faz ao longo do livro ele parte em uma missão em busca da sua chance de voltar para casa.




  Caso você goste de histórias fantásticas e muitas aventuras provavelmente ficou encantado com essa sinopse, assim como eu fiquei, e não me decepcionei.

 Esse livro é aventura o tempo inteiro, e o Andrews escreve de uma maneira muito simples o que me fez conseguir imaginar cada cena. 

 Achei muito bacana algumas invenções criadas no livro, como um copo que se enche sozinho de água, entre outras cosias. Também amei a sacada do autor ao colocar a Ilha no triângulo da bermudas.

 Mas quem for ler esse livro já tem que ir sabendo que é um livro infanto-juvenil, então não vão esperando a melhor coisa do mundo e sim uma histórias para passar o tempo e viajar junto com os personagens.


Eu quase dei 4 estrelas pra esse livro por que  no  meio da história eu estava me cansando, mas o final aconteceu algo inesperado que me fez amar o livro. 

 Não pode se negar que a história tem passagens que me lembraram Harry Potter, como o trio de amigos Garley, Alix e Jorge, mas nada que tenha me incomodado. 

 A edição tem uma capa muito bonita e a diagramação também é excelente, porém eu acho que a Novo Século tem que fazer uma revisão porque o livro apresenta alguns erros.

 Eu fiquei encantada com a história e por isso vou dar 4/5 estrelas pra esse livro.  

 Site do Autor: http://ailhadekansnubra.com.br/
                                       
 Andrews Ulisses nasceu em 1995, em Sorocaba, e atualmente reside na pequena cidade de Votorantim, São Paulo, junto com seus pais, avô e a irmã. Desde pequeno desenvolveu o gosto por livros de ficção. Aos dez anos começou a criar histórias em quadrinhos e aos dezesseis decidiu ser escritor.                                          

 Estudante de engenharia na Universidade de Sorocaba, é um cinéfilo, e gamer que aprecia viajar para conhecer novas culturas e costumes.                                                                                                                                                 A Ilha de Kansnubra e o portal perdido é seu livro de estreia.


Autor: Andrews Ulisses
Páginas: 278
Editora: Novo Século 
Gênero: Ficção Brasileiro 
Estrelas: ★★★★★


Vídeo-Resenha: